24 de outubro de 2014

A caminho de Orleans - Série 1º tour pela Europa - Dia 4

O dia amanheceu bem frio em Bordeaux e após nosso café da manhã colocamos as malas no ônibus e fomos conhecer um pouco da cidade.

Foi um city tour bem rápido, pois tínhamos que seguir viagem e o caminho era longo. Mesmo assim vimos uma cidade muito bonita e através do nosso guia turístico conhecemos um pouco de sua história.

Bordeaux tem aproximadamente 239 mil habitantes e é muito conhecida por sua produção de vinho. Em 2007 foi classificada como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

Penso em fazer um tour pela França e com certeza voltarei para conhecer melhor essa encantadora cidade.



Seguindo viagem fomos rumo à impressionante região do Vale do Loire com seus belíssimos castelos.

Logo na primeira parada que nosso ônibus fez já tivemos uma noção de como seria nosso dia. 



Após essa vista maravilhosa nossa próxima parada seria a visita ao Castelo de Chambord, um dos mais conhecidos castelos do mundo e o maior do Vale do Loire. Foi nesse castelo que foram gravadas algumas cenas da novela Cordel Encantado.


Conhecemos o castelo por dentro e também sua imensa área externa.



Gostamos muito!!! Após 2 horas de passeio pelo castelo voltamos para o ônibus. 

Tivemos um pequeno atraso, pois duas turistas do Chile chegaram após as 2 horas estabelecidas pelo guia turístico. Elas haviam se perdido. O guia sempre nos orientava como era importante chegarmos sempre no horário marcado, pois assim chegaríamos cedo nos hotéis e teríamos mais tempo livre.

Como era inverno os dias eram muito curtos e não podíamos perder muito tempo na estrada para não chegarmos tão tarde na próxima cidade.
Essa noite iríamos dormir na cidade da famosa heroína francesa, Joana D'Arc - a cidade de Orleans.

Quando chegamos no hotel já estava escuro, mas queríamos muito conhecer a cidade e foi o que fizemos. Minha irmã e eu saímos com o Léo, a Juliane, o Cristiano e mais duas moças do Rio de Janeiro.

Antes de qualquer coisa decidimos que iríamos encontrar um lugar para comermos algo. Estávamos com muitaaaa fome.

Quase tudo na cidade estava fechado, mas foi com muita sorte que encontramos um maravilhoso restaurante. Era um lugar pequeno, mas super aconchegante. Servia massa feita na hora e poderíamos escolher o molho. A massa era colocada na caixinha. Uma delícia. E com aquele friozinho foi tudo perfeito!!!

Saímos de lá prontos para caminharmos um pouco, mas não foi o que aconteceu: Caminhamos muito!!!

A ideia era encontrarmos um mercado para comprarmos água e levarmos ao hotel. Pensamos que pudéssemos encontrar um mercado no centro da cidade.

Paramos primeiramente em uma lojinha para perguntarmos do mercado e também se eles vendiam cartões telefônicos internacionais. 

Nosso francês não era tão bom assim, mas conseguimos entender algumas palavras. Só não entendemos o mais importante: onde ficava o mercado.

Saímos da loja e perguntamos para um garoto que estava no ponto esperando ônibus, mas não entendemos se o mercado era longe ou não. Resolvemos caminhar na direção que ele falou. Nossa, foi uma aventura!!!!

Andamos, andamos, andamos, e nada de mercado. As ruas estavam com muita neve, e a Juliane usava uma bota de salto alto e fino. Não sei como os pés dela não congelaram!!!! A temperatura? Menos 1 grau!!!!

Em um determinado momento a Juliane e a moça carioca queriam ir ao banheiro. Avistamos um hotel que parecia aqueles hotéis de estrada de filme de terror. Eu não queria ir lá, mas elas insistiram falando para minha irmã e eu pedirmos para a recepcionista deixá-las utilizarem o banheiro. Tivemos que fazer isso, pois éramos as únicas do grupo que falavam um pouco francês.

Ficamos com medo, mas acabou dando tudo certo. Saímos de lá correndo e continuamos nossa caminhada rumo ao mercado.

Depois de caminharmos muito e quase não aguentando mais, encontramos o bendito supermercado!!!!



Compramos água e algumas guloseimas. De tanto andar naquele frio já estávamos com fome de novo.

Foi uma grande aventura, gelada e divertida.

Para voltarmos ao hotel decidimos pegar um "tram", que é tipo um bonde elétrico. Compramos o bilhete em uma máquina que ficava no ponto que estávamos esperando o "tram". Mais uma vez pedimos informação para um moço que também esperava no ponto.



Chegamos bem cansados no hotel. Cada um subiu para o seu quarto para recuperar as energias para a nossa viagem do dia seguinte para Londres.

Mesmo cansada liguei para o Brasil para falar com meus pais. Minha irmã, coitada, já estava dormindo. Super cansada, mas feliz.

E continua...não perca o dia 5 !

Quer saber como foi que começamos esse nosso tour pela Europa ? Não deixe de ler nosso primeiro post e acompanhe a série: Madrid - Série 1° tour pela Europa - Dia 1.

Confira o próximo post: A caminho de Londres - Série 1º tour pela Europa - Dia 5.


Veja também sugestão de hotel em Orleans na página Hotéis do blog.


Siga o Histórias para Viajar nas redes sociais:
       


   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...